Jeronymo Monteiro

O escritor Jeronymo Barbosa Monteiro (1908-1970) é um marco fundamental da literatura infantil e juvenil do Brasil. Foi um dos precursores do rádio-teatro, criador do primeiro detetive brasileiro e da primeira série policial. Mas, acima de tudo, é sempre lembrado como "Pai da Ficção Científica Brasileira".

TANGENTES DA REALIDADE

Tangentes da Realidade_capa

Tangentes da Realidade, Jeronymo Monteiro. São Paulo: Livraria 4 Artes Editora, Série Infinito, 1969.

Tangentes da Realidade é uma coletânea, publicada em 1969 pela editora Quatro Artes, em sua Série Infinito, com oito contos de Jeronymo Monteiro:

 

“As Pedras Radiantes” (junho, 1964)
“Estação Espacial Alfa” (setembro, 1955 – junho, 1964)
“O Copo de Cristal” (maio, 1964)
“Missão de Paz” (novembro, 1955 – junho, 1964)
“O Elo Perdido” (1947, 1964)
“Um Braço na Quarta Dimensão” (maio, 1964)
“A Incrível História de Tômas de Saagunto” (1950, junho – 1964)
“O Sonho” (maio, 1964)

Abaixo, nota do jornal O Estado de São Paulo, de 24 de maio de 1969,  pág. 2, sobre o lançamento do livro em São Paulo:

TANGENTES DA REALIDADE, de Jeronymo Monteiro. Novo livro de um dos pioneiro da ficção científica no Brasil. Este volume reúne oito contos em que se juntam fantasia, terror e mistérios. No momento em que o homem vive a aventura espacial como uma realidade, livros como este ganham maior interesse pois acrescentam com dados da imaginação, pontos a mais na fascinante conquista de outros mundos. O livro será lançado no próximo dia 28 maio de 1969, às 18h30, na Livraria Teixeira.

A seguir, texto do editor Jurandy Santos para a orelha e contracapa do livro Tangentes da Realidade, de Jeronymo Monteiro.

TANGENTES DA REALIDADE

O dia em que Miguelzinho achar o copo de cristal no terreno baldio ficou muito tempo esquecido em seu mundo-pensamento de criança brincando no fundo do quintal. Chegou atrasado para jantar, o que lhe valeu uma grande surra de rabo de tatu, mas a luz azulada lhe trouxe 50 anos depois uma história muito colorida e cheia de mensagens e verdades.

Jerônymo Monteiro é um homem simples que vive a maior parte de seu tempo em Mongaguá, entre o mar, uns aperitivos, uma máquina de escrever que não para o dia todo, só no fim-de-semana quando desce um grupo de amigos para “bater papo” e bebericar. É um dos poucos intelectuais brasileiros que vivem hoje exclusivamente de escrever, colaborando em diversos jornais e revistas de São Paulo; quem não conhece a coluna “Panorama” de J. Monteiro nas Folhas, a secção “Admirável Mundo Novo” na Tribuna de Santos? Com muita humildade, com muita simplicidade e com os seus 60 anos é um homem preocupado com o amanhã.

Em 1947 escreveu “Três Meses no Século 81” (Ed. Globo), sendo considerado o pioneiro da literatura de ficção científica em nosso País, gênero hoje dos mais importantes no panorama literário internacional. Logo em seguida nos deu “Cidade Perdida”. Depois disso, muitas vezes, J. Monteiro aparece como autor de contos em várias antologias, ensaios, comentários de ficção científica. Alem do mais, mostrando conhecer e dominar o “suspense”, a emoção surge encaixada no gênero policial, aventura, mistério, sempre nos trazendo seus personagens tipicamente brasileiros.

TANGENTES DA REALIDADE reúne oito estórias heterogêneas na aparência, mas homogêneas na concepção, nos pontos de vista e nas convicções. Algumas foram escritas há muitos anos, outras são recentes. Você vai de repente viver o dia-a-dia do vendedor espacial de pedras preciosas José Prendick Campos; sentir-se em um carro de presos e ficar lembrando a infância cheia de moleques gingando nas ruas; vai entrar em uma nave espacial que quer a paz (ou será que os seres de outros planetas vem conquistar a Terra?).

Jerônymo acha que nós é que somos negativistas e queremos guerra espacial com os outros planetas. Qual é a sua ideia sobre o assunto? Acredita que eles vem em Missão de Paz? TANGENTES DA REALIDADE é um livro de contos mesclado de fantasia, terror, mistério, e até realidade, principalmente realidade. Basta você querer.

Jeronymo Monteiro nasceu em São Paulo (1908); filho de pais pobres, viveu sua infância e juventude no Brás. Exerceu desde os 10 anos, diversas profissões humildes. Mais tarde, entrando para a E.F. Sorocabana, começou a se interessar por leitura, descobriu os autores nacionais e alguns estrangeiros, apaixonou-se por H.G. Wells e passou a escrever contos que eram sistematicamente recusados pelas revistas a que os enviava, até que “Fon-Fon” e “O Cruzeiro” publicaram alguns. Em 1937 lançou o programa “Dick Peter”, pela Radio Difusora, no qual ele mesmo escrevia e narrava as novelas. Foi repórter e redator de vários jornais e revistas. Considerado pioneiro da ficção científica no Brasil, veio a fundar, com um grupo de amigos, a Associação Brasileira de Ficção Científica em 1964, sendo seu presidente.

TEXTO DE CONTRACAPA

TANGENTES DA REALIDADE reúne oito história de Jeronymo Monteiro que focalizam diversos assuntos: pedras preciosas vendidas por um garimpeiro espacial; copo de cristal que lembra a infância vivida, sofrida e traz imagens de um futuro cheio de gente, estranha com quatro braços, mas ainda influenciada pela propaganda da Coca Cola; há uma missão espacial de paz para o nosso mundo, empreendida por seres de outros planetas; todos os nossos antepassados estão latentes em nós, você vai entender o desespero de Berenice e seu filho que… deixemos que você mesmo descubra; quando contratar um pedreiro ou pintor para fazer os trabalhos em sua casa de praia, cuidado para que não seja o “seu” Zé que desaparece quando se assusta; o que aconteceu com o pai de Tomas, um velho amigo, do autor? E, ainda, afinal o que é o sonho?

Jeronymo Monteiro é um escritor ágil que de repente nos leva a uma outra dimensão através de um copo de cristal velho e quebrado, e com seu estilo direto tanto nos indica uma mensagem de paz que nos desnuda a miserável condição humana, cheia de erros e imperfeições.
Mas tudo isso demonstra um profundo conteúdo humano e a simplicidade do autor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 2 de janeiro de 2016 por em Sem categoria.

Navegação

%d blogueiros gostam disto: